Total visualizações de páginas, desde Maio 2008 (Fonte: Blogger)

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

P215 - Nota de Óbito de mais um combatente que serviu o estado Português na Guiné/Guidage, ex. 1ºcabo Mec. Auto, João Dias Garcia, pertenceu à CCAÇ 19 (Manuel Alheira)

ex. 1º Cabo Mecânico Auto, Nº 617771, da CCac 19, 1971/73 

Assunto.
Faleceu o Garcia, Ex 1º Cabo Mecânico da CCaç 19, Guidage/Guiné


M. Alheira - 1972
Manuel Alheira

Mensagem de Manuel Alheira ex. 1º cabo enfermeiro da CCAÇ 3 e CCAÇ 19 - Guiné/Guidage 1971/73, através de seu camarada 1ºcabo Op. crípto José Pechorro


Assunto
FW: Faleceu o Garcia, Ex 1º Cabo Mecânico da CCaç 19, Guidage
De
Para

Enviado
terça-feira, 16 de Setembro de 2014 16:51
Anexos


_______________Partilha/informação_____________________

Eu, Manuel Alheira ex. 1º cabo enfermeiro da CAÇ 3 e CCAÇ 19 Guiné - Guidage 1971/73, envio a toda a família de João Dias Garcia os meus mais sentidos Pêsames.
»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««««

 Date: Tue, 16 Sep 2014 00:23:55 +0100
 From: josepechorro@sapo.pt
 Subject: Faleceu o Garcia, Ex 1º Cabo Mecânico da CCaç 19, Guidage

 Informo que faleceu o João Dias Garcia, no Hospital de Leiria, no
 passado dia 11 do corrente.

 Ex. 1º Cabo Mecânico da CCac 19, 71/73. Como tal suportou o assédio do
 IN e o cerco a Guidage, Guiné.

 Homem estimado por todos e pela população…

 Anexo dois ficheiros com fotos do mesmo.

 Um abraço,

 José Pechorro



Dois comentários de camaradas da mesma companhia (CCAÇ 19) que conviveram de perto com  o ex. 1º cabo Mec. Auto, João Dias Garcia. Ibrahimo Djaura e José Pechorro.

      1.  Blogger Djaura disse...
Ibrahimo Djaura
Na minha condição ex-amigo, companheiro e camarada de Armas, do Falecido Garcia, como era mais conhecido, a quem devo a vida num dos confrontos com IN,no Cufeu, entre Binta e Guidage,aquando o meu Berliet foi atingido, fiquei ferido e desmaie fui informado que se não fosse esse meu ex-camarada ficava ali. Eu, lembro me apenas ele ter despenhado Cantil de Àgua na minha cabeça e arrastou me para outra Viatura.
As mais sentidas condolências as Famílias, e todos os outros Camaradas falecidos naquele dia Fatídico em Guidage.
Djura
18 de Setembro de 2014 às 20:01

Comentário do nosso camarada José Pechorro, ex. 1º cabo Op. Cripto da CCAÇ 19 Guidage - Guiné 1971/73

José Pechorro
2.  Completando: 1º Cabo Mecânico Auto, Nº 617771, da CCac 19, 1971/73. suportou as colunas Guidage - Binta – Guidage, o assédio do IN e o cerco de Maio de 1973.
1º Cabo, estimado por todos e pela população.
Mencionei-o na postagem: Guiné 63/74 - P5310: O assédio do IN a Guidaje (de Abril a 9 de Maio de 1973) - II Parte (José Manuel Pechorrro), no sítio http://blogueforanadaevaotres.blogspot.pt/:
“Fui até à caserna do 1.º Pelotão, onde conversei com o Garcia, 1.º Cabo Mecânico. Estava com ele, quando surge a 5.ª flagelação (por volta das 12 ou 13 horas), desta vez do lado das casernas do 3.º e 4.º Pelotões, com armas ligeiras, RPG,s e morteiro 82, também do lado de lá da bolanha, território Senegal.
A minha arma desapareceu, apercebi-me ter sido um soldado que a utilizou, quando correndo se foi refugiar na vala.
Abriguei-me com o 1.º Cabo Garcia, no ninho da metralhadora pesada, de que é responsável.
Ao tentar manejá-la, entalou-se. O palavreado dele, muito sério, mas com piada, provocou-me o riso, que contive a muito custo, intercalado, no matraquear do tiroteio e estrondos das explosões”.
Pela sua actuação foi um dos louvados na folha de serviço do COP 3, sediado em Guidage, de 11 de Junho de 1973, pelo Comandante, Ex-Ten Cor Cav António Valadares Correia de Campos.
No passado Sábado, 14 do corrente, pelas 15 horas, teve lugar a cerimónia religiosa de corpo presente, na Igreja matriz de Maiorga, Alcobaça, seguindo-se o cortejo fúnebre para o cemitério desta localidade, participada de muito povo.
Um abraço,
José Pechorro
Ex. 1º Cabo Op Cripto, 71/73
CCaç 19 - Guidage - Guiné


19 de Setembro de 2014 às 19:18

5 comentários:

Sousa de Castro disse...

Em meu nome pessoal e da CART 3494, à família enlutada apresento as mais sentidas condolências.

Sousa de Castro

Djaura disse...

Na minha condição ex-amigo, companheiro e camarada de Armas, do Falecido Garcia, como era mais conhecido, a quem devo a vida num dos confrontos com IN,no Cufeu, entre Binta e Guidage,aquando o meu Berliet foi atingido, fiquei ferido e desmaie fui informado que se não fosse esse meu ex-camarada ficava ali. Eu, lembro me apenas ele ter despenhado Cantil de Àgua na minha cabeça e arrastou me para outra Viatura.
As mais sentidas condolências as Famílias, e todos os outros Camaradas falecidos naquele dia Fatídico em Guidage.

Djura

Simoa disse...

Ao Alheira, ao Sousa de Castro e ao Djaura, o meu agradecimento pela postagem e comentários.

Um abraço, incluindo a CArt 3494.

José Pechorro
Ex. 1º Cabo Op Cripto, 71/73
CCaç 19 - Guidage - Guiné

Simoa disse...

Completando: 1º Cabo Mecânico Auto, Nº 617771, da CCac 19, 1971/73. suportou as colunas Guidage - Binta – Guidage, o assédio do IN e o cerco de Maio de 1973.

1º Cabo, estimado por todos e pela população.
Mencionei-o na postagem: Guiné 63/74 - P5310: O assédio do IN a Guidaje (de Abril a 9 de Maio de 1973) - II Parte (José Manuel Pechorrro), no sítio http://blogueforanadaevaotres.blogspot.pt/:

“Fui até à caserna do 1.º Pelotão, onde conversei com o Garcia, 1.º Cabo Mecânico. Estava com ele, quando surge a 5.ª flagelação (por volta das 12 ou 13 horas), desta vez do lado das casernas do 3.º e 4.º Pelotões, com armas ligeiras, RPG,s e morteiro 82, também do lado de lá da bolanha, território Senegal.
A minha arma desapareceu, apercebi-me ter sido um soldado que a utilizou, quando correndo se foi refugiar na vala.
Abriguei-me com o 1.º Cabo Garcia, no ninho da metralhadora pesada, de que é responsável.
Ao tentar manejá-la, entalou-se. O palavreado dele, muito sério, mas com piada, provocou-me o riso, que contive a muito custo, intercalado, no matraquear do tiroteio e estrondos das explosões”.

Pela sua actuação foi um dos louvados na folha de serviço do COP 3, sediado em Guidage, de 11 de Junho de 1973, pelo Comandante, Ex-Ten Cor Cav António Valadares Correia de Campos.

No passado Sábado, 14 do corrente, pelas 15 horas, teve lugar a cerimónia religiosa de corpo presente, na Igreja matriz de Maiorga, Alcobaça, seguindo-se o cortejo fúnebre para o cemitério desta localidade, participada de muito povo.

Um abraço,
José Pechorro

Sousa de Castro disse...

Obrigado camarada pelo teu testemunho, na verdade começamos a ser cada vez menos!... È a lei da vida. adicionarei este teu testemunho ao post.
Abraço
Sousa de Castro