Total visualizações de páginas, desde Maio 2008 (Fonte: Blogger)

Calcule seu Peso Ideal
Sexo: M F
Sua altura: m
Segure seu punho com o indicador e o polegar da outra mão. Seus dedos se tocam?
Não Sim, justos Sim, e sobram

sexta-feira, 11 de julho de 2014

P207 - HISTÓRICO DOS ENCONTROS/CONVÍVIOS DA CART 3494 (XIME-MANSAMBO) - Do mais recente ao mais antigo – Parte I - (Jorge Araújo)

Do nosso amigo e camarada d'armas Jorge Araújo com data de 11JUL2014, recebi histórico [parte I] sobre os convívios que a CART 3494 realizou ao longo de 40 anos. Para que a ESTÓRIA da CART 3494 e seus convívios seja mais completa possível, solicitamos que contribuem com dados, fotos, datas etc. e nos enviem.

Contamos contigo.

SC


Assunto
HISTORICO DOS ENCONTROS ANUAIS DA CART 3494
De
Para
Sousa de Castro
Enviado
sexta-feira, 11 de Julho de 2014 13:33

Caríssimo Camarada Sousa de Castro
Os meus melhores cumprimentos.
Como sabes, um dos temas abordados no nosso último almoço/convívio, realizado em São Pedro de Moel, andou à volta do historial dos Encontros da CART 3494 em particular dos detalhes que antecederam a sua institucionalização anual. Falou-se dos pioneiros e da importância de se reconstituir/reorganizar um Histórico, na medida em que cada um de nós entrou em momentos [anos] diferentes neste processo de reagrupar as/os tropas.
Nesse sentido, e em função dos meus dados disponíveis, aqui vai um modesto contributo para esse efeito.
Um forte abraço.
Jorge Araújo.
11Jul2014.


GUINÉ
Jorge Alves Araújo, ex-Furriel Mil. Op. Esp./RANGER, CART 3494
(Xime-Mansambo, 1972/1974)
HISTÓRICO DOS ENCONTROS/CONVÍVIOS DA CART 3494
(XIME-MANSAMBO)
- Do mais recente ao mais antigo – Parte I - 

IANTECEDENTES HISTÓRICOS

Depois de cumprida a Comissão de Serviço Obrigatório no CTIGuiné, que contabilizou vinte e sete meses e uma semana [29Dez1971 a 3Abr1974 = 827 dias], período que acabaria por ficar na história daquele Teatro de Operações como o tempo máximo [record] de permanência de uma Companhia Operacional Metropolitana, os jovens militares milicianos constituintes do contingente da CART 3494 [aliás, como os demais…] regressaram às suas origens.

Concretizado o reencontro com os familiares mais próximos, deu-se início, como seria natural e normal, a uma nova etapa das nossas vidas, tendo no horizonte temporal a operacionalização dos diferentes projectos, alguns deles mantidos em segredo no pensamento e outros já partilhados com os camaradas do abrigo, do GComb e/ou da Especialidade, durante o período da campanha ultramarina, mesmo sabendo-se que todos os contextos de então eram de elevado risco, carregados de imprevisibilidades, incertezas e sobressaltos, fazendo apelo permanente a uma escala de sucessivas transcendências, pois [estupidamente] o futuro de cada um de nós… era apenas uma partícula do presente.

Por essa razão, do ponto de vista sociológico, refizeram-se famílias e nasceram outras dando lugar a novas experiências, por efeito do desempenho de outros papéis como foi o caso da paternidade. Retomaram-se os antigos projectos profissionais e/ou equacionaram-se novas possibilidades, no País ou além-fronteiras. Desenharam-se novos percursos académicos que, entretanto, tinham ficado incompletos ou adiada a sua conclusão.

Com o «25 de Abril de 1974», acontecimento que tivemos o privilégio de assistir três semanas após o nosso regresso, fez-se jus ao lema do BART 3873 [CART 3494] «Na Guerra Construindo a Paz», e quase tudo mudou nas nossas vidas, ajudando a sarar algumas das feridas daqueles dois anos da nossa juventude.

Cada um seguiu o seu itinerário, em função das dinâmicas de cada momento, e a “família militar” da CART 3494 desorganizou-se durante uns tempos, até que:

IIO [RE]AGRUPAR DAS/DOS TROPAS

Segundo sabemos de fonte fidedigna e privilegiada, o movimento de reorganização das/dos tropas da CART 3494 iniciou-se dez anos depois da sua chegada a Lisboa [1984] por iniciativa do camarada Lúcio Monteiro da Silva [ex-1ºC.], também conhecido por «Vizela», e residente em Moreira de Cónegos, Guimarães.
Durante dois anos [1984-1986] procurou organizar uma base de dados que permitisse estabelecer contactos entre os elementos listados no sentido de se recuperarem os laços de amizade construídos na Guiné e que pudessem, a curto prazo ou logo que possível, levar à realização de um Encontro/Convívio anual.
Percorreu centenas de quilómetros entre diferentes localidades do Norte e Centro do País, particularmente no Minho e Douro, de onde a maioria do contingente era natural. E eis que em 14 de Junho de 1986, sábado, ainda que com reduzida participação, os pioneiros deste movimento de reorganização das/dos tropas se reuniram naquele que é considerado o 1.º almoço/convívio dos ex-militares constituintes da CART 3494. O evento decorreu no Restaurante O Frangueiro, em Aver-o-Mar [Póvoa do Varzim], pertença do camarada João Machado [cozinheiro], com a presença do Júlio Peixoto [condutor], Alcides Castro [cantineiro] e Lúcio Monteiro [1.º cabo atirador], entre outros [vd. P184].
A concentração teve lugar na Praça de Touros da Póvoa de Varzim



Com este texto, procura-se reconstituir/reorganizar o HISTÓRICO do caminho iniciado em 1986 pelos pioneiros, a quem estamos gratos, através da divulgação de imagens e de factos de interesse colectivo, ainda não conhecidos, de modo a perpetuar não só a amizade que nos une, mas também como elemento de cultura de uma geração que viveu, conviveu e sobreviveu, durante mais de dois anos, num contexto de “sangue, suor e lágrimas”, como foi aquele que, lamentavelmente, muitos de nós ainda tem presente.
Pelo exposto, a metodologia que iremos seguir nesta primeira narrativa iniciar-se-á com as referências mais recentes para as mais antigas, ou seja, do último Encontro [2014] para o mais antigo, que neste caso será o de 2009 [o 24.º], conforme se indica no quadro abaixo. Este procedimento será seguido nas restantes.
IIIHISTÓRICO DOS ENCONTROS/CONVÍVIOS DA CART 3494

- DO 29.º [2014] AO 24.º [2009]
A Comissão Organizadora deste Encontro foi nomeada a 15Jun2013, em Sobrosa - Paredes (Felgueiras) sendo constituída pelos camaradas: António Serradas Pereira [ex-Alf.;
de Leiria], Gregório Santos [ex-Sold.; da Batalha] e Francisco Pereira [ex-1.ºC.; de Pataias]. Este Encontro/Convívio teve a particularidade de ter coincidido com a comemoração do 40.º Aniversário da chegada do contingente a Lisboa [1974-2014]. Para a sua realização foi escolhida a localidade de São Pedro de Moel, pertencente à cidade, Freguesia e Município da Marinha Grande, e o dia 7 de Junho, sábado, como data da reunião, sendo, para o efeito, reservado o Restaurante do Hotel Mar & Sol.
Na sua mensagem de apresentação os organizadores escreveram:
Caros colegas e amigos.
Passados quarenta anos do nosso regresso à metrópole, o 29.º almoço de convívio da nossa companhia realiza-se no dia 7 de Junho na linda Vila de São Pedro de Moel. Neste
evento revemos velhas amizades, recordamos os maus e os bons momentos passados na Guiné, comentamos os anos que já passaram, a velhice que se aproxima e infelizmente falamos dos colegas que já partiram. Todas estas questões são mais que suficientes para participares neste convívio [vd. P203+P205].

- Fotos de Família -
A Comissão Organizadora da presente reunião foi nomeada a 9Jun2012, no decorrer do Encontro levado a cabo em Ponte de Sor, sendo constituída, pela primeira vez, por um ex-militar e sua filha, a saber: Manuel Carvalho Sousa [ex-Sold.; de Nogueira, Amarante] e Telma Sousa [vd. P178+P181].
Para a sua realização foi escolhido o dia 15 de Junho, sábado, e seleccionado o serviço gastronómico do Restaurante “Quintinha do Nelo”, sito em Sobrado, Paredes (Felgueiras).
O organizador referiu, na sua mensagem expressa no programa, que:
A chegada a Bissau foi a 28 de Dezembro de 1971.
Foram oitocentos e vinte e oito dias. Passamos momentos difíceis, que ficaram para sempre na nossa memória. Foram estes momentos que fortaleceram as nossas relações de amizade e que ficássemos como uma família! Passados estes 42 anos é com grande orgulho que organizo o nosso XXVIII convívio. O almoço será servido no Restaurante Quintinha do Nelo, em Sobrosa - Paredes. Conto com a tua presença para que possamos mais uma vez recordar todas as nossas memórias. Recordar é viver.   
- Foto de Família -


- Momento de animação -

A Comissão Organizadora deste Encontro, de um só elemento, foi nomeada em 11Jun2011, no decorrer do almoço/convívio realizado em Seia, ficando responsável o camarada António Espadinha Carda [ex-Fur. Art.; da Ponte de Sor], já repetente nestes eventos. A sua anterior responsabilidade, concebida em partilha com o camarada João David Godinho [ex-Fur. Art.; da Ponte de Sor], verificou-se em 1999, na 14.ª [XIV] edição, em Montargil.
Para a realização do evento de 2012, foi escolhido o dia 9 de Junho, sábado, tendo como local do almoço/convívio o Restaurante Gato Preto, sito em Barreiras, Ponte de Sor [vd. P153+P155].
Na mensagem de apresentação do seu programa, o organizador referiu o seguinte:

Caro companheiro e amigo. É com grande prazer e amizade que te estamos a convidar para mais um convívio. Contamos com a tua presença. O local de concentração vai ser na Zona Ribeirinha de Ponte de Sor, entre o Campo de Ténis e as Piscinas Municipais. O almoço será servido no Restaurante Gato Preto, em Ponte de Sor.
- Fotos de Família -

A Comissão Organizadora do Encontro de Seia foi nomeada a 12Jun2010, no almoço/convívio de Lordelo (Guimarães), sendo essa responsabilidade assumida pelo camarada José E. S. Vicente [ex-Sold. Trms; de Nogueira do Cravo, Oliveira do Hospital], experiência repetida pela segunda vez [a primeira foi em 1996, no 11.ºE].
Para a sua realização foi escolhida a cidade de Seia, a maior da sub-região da Serra da Estrela e a segunda maior cidade do Distrito da Guarda. O almoço foi agendado para o dia 11 de Junho, sábado, e o local do repasto foi o Restaurante “O Pastor da Serra”.[]
Na sua mensagem de apresentação do programa, o organizador escreveu:
Caros companheiros,
Chegou a hora de mobilizar todos os Ex-Combatentes da CART 3494 para fazerem
parte de um grande evento. Assim, estão convidados, juntamente com suas famílias, para participarem no XXVI Convívio, que terá lugar no dia 11 de Junho, no salão “O Pastor da Serra”, em Seia. A concentração será no Senhor das Almas (Município de Oliveira do Hospital), pelas 09h30, junto à Capela. Pelas 11h30 sairemos em caravana para o “Almoço – Vianda, Salsichas, Fiambre e Esparguete com Estilhaços”. A aldeia de Senhor das Almas fica situada junto à Estrada Nacional 17 [vd. P97+P108+P117].  
- Foto de Família -

A Comissão Organizadora deste Encontro foi nomeada a 13Jun2009, na reunião de Santa Catarina (Vagos), sendo essa responsabilidade atribuída à dupla de camaradas: Lúcio D. Monteiro Silva (Vizela) [ex-1.ºC.; de Moreira de Cónegos, Guimarães] e Joaquim M. Lino Monteiro [ex-Sold.; de Penamaior, Paços de Ferreira].
Para a sua realização foi escolhida a localidade de Lordelo, Freguesia do Município de Guimarães, e o dia 12 de Junho, sábado, como data do convívio a ter lugar no Restaurante Armando & Filhos [vd P61+P67].
Os organizadores escreveram no programa de apresentação do evento o seguinte:
Caro amigo ex-combatente e companheiro de armas. Tal como tem sucedido em anos anteriores vai realizar-se no dia 12 de Junho de 2010 o XXV encontro/convívio. Convidamos-te a participar, juntamente com teus familiares, nesta grandiosa festa de fraterna amizade.
Vamos confraternizar, rever amigos que de algum modo compartilharam os seus medos, sofrimentos, angústias e as incertezas! Momentos únicos que merecem ser recordados. Vais sentir-te como quando tinhas 20 e alguns anos. Trás também as tuas fotos da época, o teu diário se for o caso, para assim avaliarmos como éramos e como vivíamos naquele tempo, já lá vão 36 anos do nosso regresso.
Não podemos deixar morrer estes encontros/convívios de ex-combatentes, temos de continuar a conviver. O nosso tempo caminha a passos largos para o términos, não podemos deixar que estes eventos desapareçam, temos de manter viva a chama da amizade que nos ligou durante 27 meses, recordar toda a vivência de uma geração… que é a nossa.
A guerra colonial, ou do ultramar ou das províncias ultramarinas, conforme queiras
chamar, marcou uma época, a nossa época! Por isso temos de continuar a lembrar aos nossos filhos, netos e a todas as pessoas, que essa guerra justa ou injusta, existiu e nós participámos nela, daí a razão destes encontros, por isso é fundamental a tua presença. Vem desfrutar de uma boa companhia e um fim-de-semana diferente. A concentração será em Vizela, junto ao Quartel dos Bombeiros, a partir das 10h00. Com elevada deferência.
- Foto de Família -
Aguarda-se envio de quem possua uma foto de família deste Encontro, particularmente dos seus organizadores
A Comissão Organizadora deste Encontro foi nomeada a 07Jun2008, no almoço/convívio da Costa da Caparica (Almada), ficando a responsabilidade distribuída por um trio de camaradas, a saber: Manuel Óscar Almeida [ex-Sold.; de Santa Catarina, Vagos], Manuel Silva Gomes (Anadia), [ex-Sold.; de Sangalhos, Anadia] e Licínio Almeida Pereira [ex-Sold.; de Bom Sucesso, Quiaios].
Para a sua realização foi escolhida a localidade de Santa Catarina, uma Freguesia do Município de Vagos, Distrito de Aveiro, e o dia 13 de Junho, sábado, como data do almoço/convívio, para o qual foi reservado o Restaurante Triacentro [vd P30+P33+P35].
No programa de apresentação do evento os organizadores referiram:

Caro amigo e companheiro, é como um grande prazer e muita amizade que uma vez mais te estamos a convidar para mais um grande convívio. Estamos a fazer tudo para que este ano seja um dos maiores de sempre mas para isso também contamos com a tua presença assim como a dos teus familiares. Cada ano que passa é menos um que nós temos para conviver, por isso não faltes. O local da concentração vai ser na Praia de Mira, junto à capela de Nossa Senhora da Conceição. Seguiremos em caravana automóvel até ao Restaurante Triacentro, em Santa Catarina, Vagos.

- Foto de Família -




IVHISTÓRICO DOS ENCONTROS/CONVÍVIOS DA CART 3494
- DO 23.º [2008] AO 17.º [2002]
No quadro seguinte identificam-se mais sete Encontros/Convívios organizados cronologicamente entre os anos de 2002 e 2008, e que, no seu conjunto, correspondem ao conteúdo a abordar em nova narrativa histórica a publicar proximamente – Parte II – sobre este tema.
Até lá, os camaradas que estiveram envolvidos na organização de algum deles, e que tenham fotos ainda não divulgadas neste blogue, podem fazer o favor de as enviar, via e-mail.
Obrigado pela atenção.
Aguardo sugestões.
Um forte abraço com votos de muita saúde.
Jorge Araújo.


Sem comentários: